Diamante Negro vence e Marronzinho surpreende como 2º colocado

Com costeiros esplendorosos confeccionados por um dos mais respeitados artesãos da amazônia Werner Botelho e ainda contando com uma das melhores “Marujadas” de Porto Velho, o Boi Diamante Negro conquistou o título da XXXVII Mostra de Quadrilhas e Bois Bumbás que aconteceu no Arraial Flor do Maracujá. O professor Aluízio Guedes colocou na arena um grupo muito bem ensaiado, além de ter investido muito nos itens que contam ponto. O Diamante conseguiu dos jurados 629,85.
A grande surpresa do Flor do Maracujá 2018, foi o Boi Bumbá Marronzinho. O grupo dirigido pelo folclorista Estêvão fez uma belíssima apresentação e conquistou dos jurados a nota 629,30 ficando com a segunda colocação.
Em terceiro lugar com 629,28 pontos ficou o Boi Manhoso; em 4º lugar com 629,02 o Corre Campo; 5º lugar com 628,98 Az de Ouro. Rebaixados para o Grupo de Acesso: em 6º lugar com 621,93 Tira Teima; 7º lugar com 620,75 Estrela de Fogo; 8º lugar com 601,45 pontos Boi Teimoso e em último lugar com 595,73 pontos Boi Vencedor.
Duelo Tribal
Índia Guerreira da Tribo Waitku Mayakan
A Tribo Waitku Mayakan foi a grande vencedora do Duelo Tribal na noite de domingo dia 5, encerramento da XXXVII Mostra de Quadrilhas e Bois Bumbás – Arraial Flor do Maracujá.
A Waitku Mayakan disputou com a Tribo Aymée. Waitku Mayakan 390,4 X Aymée 366,3.
Fonte: Silvio Santos/ZÉ KATRACA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *