Após reunião, Inter fecha contratação de Guerrero por três temporadas

contratação de Paolo Guerrero funcionou. Na tarde desta quarta-feira, a direção do Inter se reuniu no Rio de Janeiro com representantes do peruano e do grupo DIS, fundo de investimentos esportivos do empresário Delcir Sonda, e acertou a contratação por três temporadas. O clube gaúcho ainda não fez o anúncio oficial. O que deverá ocorrer assim que o peruano encerrar o vínculo total com o Flamengo, cujo contrato expira nesta sexta-feira.

Conforme apurado pelo GloboEsporte.com, o clube gaúcho ofereceu um contrato de risco e produtividade. Ou seja, terá meta de participação por jogos, premiações e mais luvas, a serem quitadas juntamente com o salário – os valores totais giram na casa dos R$ 700 mil mensais. Isso, com o aporte do investidor, vital para que o cluge tenha capacidade de arcar com as cifras pretendidas.

O diretor executivo Rodrigo Caetano, que trabalhou com o atleta no Flamengo e tem bom relacionamento com o centroavante e seu representante, Bruno Paiva, teve atuação decisiva na negociação. O dirigente nega que o desfecho da negociação seja oficial.

Nos bastidores, entende-se que o investimento mais elevado para ter um jogador do status de Paolo Guerrero vale a pena, mesmo diante das severas dificuldades financeiras vividas pelo clube, com déficit de mais de R$ 60 milhões da temporada passada. O ganho desportivo é preponderante, na avaliação da direção colorada.

As nuances jurídicas que circundam a situação do jogador também foram aceitas. Guerrero foi suspenso pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) por 14 meses, devido a um caso de doping. O centroavante foi liberado para atuar por conta de um efeito suspensivo concedido pelo Tribunal Federal Suíço, instância máxima, já na Justiça Comum. Sua liberação pode cair a qualquer momento caso a decisão seja revogada.

Guerrero voltou a atuar depois de obter o efeito suspensivo justamente contra o Inter. Ele entrou aos 15 minutos do segundo tempo da vitória por 2 a 0 do Flamengo sobre o Colorado no dia 6 de maio, pela quarta rodada do Brasileirão. Depois, enfrentou a Ponte Preta pela Copa do Brasil – empate em 0 a 0 – ao participar do jogo novamente na etapa final. No duelo seguinte pela Série A, marcou um dos gols na derrota por 3 a 2 para a Chapecoense.

Doping e impasse na renovação

O atacante disputou a Copa do Mundo da Rússia pela seleção peruana, mas caiu na fase de grupos. Deixou a sua marca na vitória por 2 a 0 sobre a Austrália. Em julho, voltou ao Flamengo para aparecer em mais quatro compromissos pelo Brasileirão.

Depois disso, passou a tratar da renovação com o clube carioca, já que seu contrato expira na próxima sexta-feira. O Flamengo tinha interesse em renovar até o fim de 2019, mas o atacante bateu o pé por um vínculo de três anos. Não houve avanço para resolver o impasse.

Guerreiro no Flamengo

  • 112 jogos
  • 43 gols

Com os dias contados no Rio de Janeiro, Guerrero ficou de fora da lista de relacionados do técnico Maurício Barbieri para a partida desta quarta-feira contra o Cruzeiro, pelas oitavas de final da Libertadores. OI atacante também não entrou em campo contra o Grêmio, no último sábado, pelo Brasileirão, devido a um edema na coxa esquerda. Seria sua sétima partida na competição, o que inviabilizaria uma transferência para outra equipe da Série A.

Contratado em 2015 durante a gestão de Eduardo Bandeira de Mello, Guerrero chegou com o status de estrela na Gávea, mas nunca conseguiu se tornar o ídolo máximo da torcida. Soma 112 partidas pelo Flamengo entre 2015 e 2018. Marcou 43 gols no período e conquistou um título: o Carioca de 2017.

Companheiros aprovam

Os novos companheiros do centroavante também já se manifestaram. Em entrevista ao GloboEsporte.com na tarde desta quarta-feira, o volante Edenílson esbanjou elogios. Os dois foram campeões do mundo pelo Corinthians em 2012.

– O Guerrero é um jogador que dispensa comentários, todo mundo conhece a trajetória dele, do que é capaz. Nosso momento aqui é muito bom, a diretoria sabe o que tem de fazer. Se ele vier a nos ajudar, com certeza será bem-vindo – disse.

Guerrero deve se despedir do Flamengo até sexta-feira  (Foto: Jorge R Jorge/BP Filmes)Guerrero deve se despedir do Flamengo até sexta-feira  (Foto: Jorge R Jorge/BP Filmes)

Guerrero deve se despedir do Flamengo até sexta-feira (Foto: Jorge R Jorge/BP Filmes)

O goleiro Marcelo Lomba também falou sobre o peruano em entrevista coletiva no CT do Parque Gigante antes do treinamento desta quarta-feira. Porém, antes mesmo de saber do acordo, ele preferiu se esquivar de análise sobre o futuro de Guerrero.

– Sem dúvida que é um grande jogador, só que a gente não se envolve nem um pouco com essa questão. Até porque ele tem contrato com outro time. Pessoas já vieram perguntar, há sim um apelo da imprensa, mas nós jogadores estamos envolvidos na outra parte, dentro do campo. Deixamos com a diretoria, que vai fazer o melhor para o clube – declarou o goleiro.

No Beira-Rio, Guerrero disputará posição com Leandro Damião, que nesta temporada convive com longos períodos afastado por problemas na coluna cervical. E também com Jonatan Alvez, reserva imediato do titular. O uruguaio foi contratado por empréstimo do Junior Barraquilla, da Colômbia, até a metade de 2019.

Fonte: globoesporte.globo.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *