Rondônia e do Acre se ferraram com suas liminares para barrar o reajuste de energia pela Aneel e da Energisa

A amazônia é as maiores preocupações com o futuro da espécie

Amazônia e os chineses

Surpreendendo o mundo a cada instante, a Amazônia conseguiu eclipsar até um dos feitos mais espetaculares da história humana, realizado pela China ao lançar as bases da agricultura na Lua. A região é alvo das maiores preocupações com o futuro da espécie humana, tantas são as notícias negativas que se espalham sobre desastres ambientais. Ao mesmo tempo, também infunde a confiança em que os desafios serão vencidos.

As notícias de destruição ambiental são sempre mais impactantes, mas as descobertas na região são frequentes e intensas que muitas possibilidades por elas se comparam ao feito chinês de plantar na Lua.

Considerando-se também o fato de que não é no satélite natural da Terra que nosso destino está sendo jogado, na atualidade há muito mais a descobrir e experimentar aqui mesmo que na Lua, ou confins do universo.

A intensidade do ciclo de descobertas na Amazônia é tão forte que só uma linha de pesquisa, desenvolvida pelo Instituto Mamirauá, mapeou no início de janeiro dez novos sítios arqueológicos no interior amazônico.

Testemunhas de povos que viveram aqui guardam mistérios quanto os ainda desafiadores geoglifos. A Lua e os chineses terão que apresentar muitas novidades para chegar a este nível de revelações e descobertas.

…………………………………………..

Tem a comemorar

O deputado federal Lindomar Garçon não se reelegeu, mas foi graças a sua articulação como presidente estadual do PRB que o partido elegeu a maior bancada de deputados estaduais na Assembleia Legislativa de Rondônia. Com este prestígio, ele esta escolhendo se assume uma pasta na gestão Hildon Chaves (PSDB) ou entra na lista de ex-deputados para cargos em escalões federais.

Nova legislatura

Começa nesta sexta-feira, a décima legislatura da Assembleia Legislativa cuja solenidade acontecerá na boate Talismã. Os preparativos foram intensificados e a grande expectativa fica por conta da eleição da mesa diretora. Ainda faltam definições, não se sabia até ontem se a composição de chapa única vingou e não havia consenso ainda ontem sobre o nome que vai pilotar a composição.

As barragens

O governo brasileiro anunciou que vai intensificar a fiscalização em 3,4 mil barragens no país, depois dos protestos que ecoaram mundo afora pelo desastre em Brumadinho, Minas Gerais. Em Rondônia, a Defesa Civil informa que os laudos de fiscalização das Usinas de Santo Antonio e Jirau estão em dia e que por isto não gera preocupações. Mesmo assim tem muita gente assustada.

Todos ferrados

Os Estados de Rondônia e do Acre se ferraram com suas liminares para barrar o reajuste de energia pela Aneel e da Energisa, a concessionária que comprou a Ceron e a Eletroacre. Como aconteceu em Rondônia, também o Acre viu a justiça derrubar a liminar que tinha suspendido o aumento de energia. Nos dois estados são quase 1 milhão de ferrados com o brutal reajuste.

Sem socorro

Envoltos em projetos para economizar recursos, as esferas econômicas do governo Bolsonaro descartaram qualquer ajuda para os governos estaduais em dificuldades. Pelo menos nove estados, e entre eles Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Goiás já abriram o bico e seus mandarins correram à Brasília pedindo ajuda. No entanto todos eles terão que se virar sozinhos.

 

Via Direta

*** Hoje é dia de mobilização contra as invasões das áreas indígenas em todo o País *** Em Rondônia são três grandes reservas alvo de invasões de grileiros e fazendeiros *** Em Porto Velho o pagamento do IPTU até hoje, dia 31, tem 20 por cento de desconto *** Fevereiro começa com novos secretários na capital, alguns são deputados que estão deixando os cargos *** O ramo imobiliário começa a emitir sinais de melhoras neste inicio de 2019 para felicidade dos corretores tão castigados nos últimos três anos.

 

Fonte: Diário da Amazônia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *